• Sexta-feira, 18 de junho, às 19h

    Sessão de cinema – Visões do Império, de Joana Pontes

    ping! — Programa de Incursão à Galeria
    Um Elefante no Palácio de Cristal / Encenação do Império Colonial

    Um filme sobre o modo como o império português e a sua história foram imaginados, documentados e publicitados a partir do registo fotográfico, desde o final do século XIX até à revolução que, em 1974, pôs fim ao regime político autoritário que governava Portugal.

    Doutorada em História, na especialidade de Impérios, Colonialismo e Pós‑Colonialismo, Joana Pontes estudou também Psicologia, na Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Lisboa, e Cinema, na Escola Superior de Teatro e Cinema de Lisboa. De 2004 a 2008, foi assessora da Direção de Programas da RTP para a área do documentário. Atualmente, dedica‑se à escrita e realização de documentários, lecionando nessa área na Escola Superior de Comunicação Social. Recebeu o Grande Prémio da Lusofonia atribuído ao documentário O Escritor Prodigioso (2005). É coautora do livro A Hora da Liberdade (2012).
    Visões do Império, de Joana Pontes
    2020, Portugal, 93’

    Local
    Auditório da Biblioteca Municipal Almeida Garrett

    Para participar nas atividades realizadas no Auditório da Auditório da Biblioteca Municipal Almeida Garrett, deve levantar o bilhete gratuito (máximo 2 por pessoa) até 15 minutos antes do início do evento. Pode reservar o seu lugar antecipadamente através do e-mail galeriamunicipal@agoraporto.pt.

    Crédito da imagem: Fotograma do filme, Alice Harris, “Slaves on San
    Thomé”, c. 1906, Arquivo da Anti-Slavery Society, Oxford
  • Sexta-feira, 18 de junho, das 14h às 18h

    Workshop com Bárbara Neves Alves

    ping! — Programa de Incursão à Galeria
    Um Elefante no Palácio de Cristal / Encenação do Império Colonial

    Neste workshop centrado no Monumento ao Esforço Colonizador Português serão exploradas práticas de investigação, experimentação e crítica que estimulem a reinscrição do monumento no debate público e no espaço da cidade, partindo da sua história e materialidade.
     
    Designer e investigadora, Bárbara Neves Alves doutorou‑se em Design na Goldsmiths, University of London com uma investigação em torno do conceito de miscommunication, que desafia a noção de 'boa comunicação' enquanto objetivo do design. Ultimamente, em Amsterdão, tem centrado o seu trabalho e investigação em temas como ecologias de comunicação, políticas de comunicação, ruído, métodos participativos, design socialmente responsável e práticas de descolonização. A par das suas investigações, Bárbara Neves Alves colaborou com o coletivo Cascoland e tem lecionado enquanto professora convidada em diversas instituições de ensino superior na Holanda.
    Local
    Palco do Auditório da Biblioteca Municipal Almeida Garrett

    Para participar no workshop, deve inscrever-se previamente. A seleção dos participantes será feita por ordem de inscrição, através do e-mail galeriamunicipal@agoraporto.pt

    Crédito da imagem: Pedro Manuel. Monumento ao Esforço Colonizador Português explorado enquanto "Site of Miscommunication”, por Barbara Alves. Moldes desenvolvidos com Pedro Manuel, Rui Castro e Daniel Silva.
  • Sábado, 19 de junho, das 10h às 13h

    ATLAS III – Workshop e percurso para os jardins com InterStruct Collective

    ping! — Programa de Incursão à Galeria
    Um Elefante no Palácio de Cristal / Encenação do Império Colonial

    Neste workshop será desenhada uma cartografia relacional entre imagens, palavras e conceitos referentes à Primeira Exposição Colonial Portuguesa e ao seu legado.

    Pela pertinência e relevância do trabalho desenvolvido em torno da Primeira Exposição Colonial Portuguesa do legado colonial no espaço público, o InterStruct Collective foi convidado a realizar o projeto ATLAS, que atravessa e une os diferentes momentos deste programa. Criado em 2018, o coletivo visa fomentar o diálogo em torno do interculturalismo, proporcionando uma plataforma discursiva onde pessoas de diferentes origens culturais podem colaborar, propor intervenções e encenar projetos artísticos de importância social. O InterStruct Collective é composto por Claire Sivier, Desirée Desmarattes, Isabel Stein, Melissa Rodrigues, Miguel F., Sebastian Ioan e Vijay Patel.
    Local
    Jardins do Palácio e Auditório da Biblioteca Municipal Almeida Garrett

    A participação em qualquer um dos três workshops Atlas é independente da participação nos restantes.
     
    Para participar no workshop deve inscrever-se previamente. A seleção dos participantes será feita por ordem de inscrição, através do e-mail galeriamunicipal@agoraporto.pt

    Para participar nas atividades realizadas no Auditório da BMAG, deve levantar o bilhete gratuito (máximo 2 por pessoa) até 15 minutos antes do início do evento. Pode reservar o seu lugar antecipadamente através do e-mail galeriamunicipal@agoraporto.pt. 

    Crédito da imagem: Maria Paula Kemmer
  • Domingo, 20 de junho às 16h

    Wall גדר جدار - Visita Guiada com Guilherme Blanc

    Guilherme Blanc, curador de "Wall גדר جدار", de Inés Moldavsky, na Galeria Municipal do Porto, fará uma visita guiada à exposição. 

    Guilherme Blanc é Diretor Artístico do Batalha - Centro de Cinema. Entre 2018 e 2020 foi diretor do Departamento Arte Contemporânea e Cinema da empresa municipal Ágora, onde dirigiu projetos como a Galeria Municipal do Porto, o Fórum do Futuro e programas discursivos e de apoio à arte contemporâ­nea. Trabalhou ao longo dos anos como curador independente de cinema, colaborando com instituições como Institute of Con­temporary Arts London ou o Barbican Centre. De 2014 a 2018 foi Adjunto do Vereador e do Presidente da Câmara do Porto para a Cultura. Leciona, desde 2017, disciplinas de Cinema em Licenciatura e Mestrado na Universidade Católica Portuguesa -Escola das Artes. 
     
    Local:
    Galeria Municipal do Porto

    Para assistir à visita na Galeria Municipal do Porto, deve levantar o bilhete gratuito (máximo 2 por pessoa) até 15 minutos antes do início do evento. Pode reservar o seu lugar antecipadamente através do e-mail galeriamunicipal@agoraporto.pt.
  • Sábado, 26 de Junho, das 16 às 19h

    Percurso com Vera Carmo, Boavista–Baixa

    ping! — Programa de Incursão à Galeria
    Exodus / Exodus para Todos

    Investigadora e curadora independente, Vera Carmo licenciou‑se em Escultura e concluiu o mestrado em Estudos Museológicos e Curadoriaispela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto. Frequenta, atualmente, o programa de doutoramento em Artes Plásticas na mesma instituição. Docente no Instituto Universitário da Maia, é ainda colaboradora da plataforma CineVideoArte — Catálogo de Filmes e Vídeos de Artistas Portugueses e coeditora da fanzine MOLA, dedicada aos espaços independentes da cidade do Porto. É membro fundador da associação Rampa.
    Todos os percursos são realizados a pé. Local de encontro a definir.

    Para participar nos percursos, deve inscrever-se previamente.
    A seleção dos participantes será feita por ordem de inscrição, através do e-mail galeriamunicipal@agoraporto.pt.
  • Sábado, 26 de junho às 16h

    Anuário 20 / Conversa: Cartografias do Comum – O Lugar do Coletivo na Cidade II

    Num exercício atento de reflexão sobre a cidade e as suas múltiplas dinâmicas e manifestações, a equipa curatorial do Anuário 20 convida para duas conversas sobre o título "Cartografias do comum – o lugar do coletivo na cidade", coletivos, iniciativas e movimentos auto-geridos e espontâneos, que durante o ano de 2020 contribuíram para a reconfiguração de um território-comunidade mais inclusivo e plural.
     
    Num ano em que solidariedade foi uma das palavras mais repetidas, propomos, nesta reflexão conjunta, pensar a cidade enquanto espaço de ativação e manutenção de práticas quotidianas do cuidar e do curar.
    CCOP - Círculo Católico de Operários do Porto
    Rua do Duque de Loulé, 202
    4000-053 Porto

    16h

    Com:
    Dori Nigro 
    Beatriz Blasi
    Verónica Lopes (Projeto: por um Porto que se lembre de Gisberta Salce Júnior; MOP - Marcha do Orgulho do Porto)
    Irina Pereira (Oficina Arara)

    Moderação:
    Ana Resende
    Andreia Garcia
    Melissa Rodrigues
    Pedro Augusto
    Pedro Magalhães

    Todas as atividades são gratuitas, mas pressupõem o levantamento de bilhete a partir de duas horas antes do seu início, e seguirão as normas de segurança impostas pela DGS à altura da evento. É possível efetuar a reserva de lugar antecipadamente através do email galeriamunicipal@agoraporto.pt.
  • Sábado, 26 de junho às 19h

    Anuário 20 / Concerto de Arianna Casellas

     
    CCOP - Círculo Católico de Operários do Porto
    Rua do Duque de Loulé, 202
    4000-053 Porto

    19h

    As atividades são gratuitas, mas é necessário o levantamento de bilhete no próprio local, a partir de duas horas antes do seu início, e seguirão as normas de segurança impostas pela DGS à altura do evento. É possível efetuar a reserva de lugar antecipadamente através do email galeriamunicipal@agoraporto.pt.
  • Quinta-feira, 1 de julho às 19h

    Conferência com Yayo Herrero – Pensar como uma árvore: Ética e Estética recompõem os laços quebrados com a terra. Moderação de Marta Lança

    ping! — Programa de Incursão à Galeria
    Gineceu & Estigma / Ecopensamento

    Antropóloga, engenheira técnica agrícola e ativista, Yayo Herrero é uma das mais reconhecidas vozes do ecofeminismo a nível europeu. É professora da Cátedra
    UNESCO de Educação Ambiental e Desenvolvimento Sustentável na Universidad Nacional de Educación a Distancia (Espanha) e é sócia-fundadora da Cooperativa Garúa. Entre 2005 e 2014, coordenou o grupo espanhol Ecologistas en Acción e, entre 2012 e 2018, foi diretora da Fundación FUHEM, que promove a justiça social, o aprofundamento da democracia e a sustentabilidade ambiental. É, ainda, coautora de diversos livros e artigos relacionados com o campo interdisciplinar da ecologia social. 

     
    Formada em Literatura Portuguesa e doutoranda em Estudos Artísticos, Marta Lança tem investigado sobre questões pós‑coloniais, disputas de memória e produção de conhecimento em plataformas colaborativas. Já trabalhou nas áreas da cultura e da educação em Cabo Verde, Angola, Moçambique e Brasil. Criou e edita, desde 2010, o portal BUALA. Recentemente organizou os encontros Sou esparça e a liquidez maciça: gestos de liberdade (MAAT, Portugal, 2020) e Terra Batida: uma rede de arte e ciência sobre conflitos socioambientais (Festival Alkantara, Portugal, 2020), com Rita Natálio.
    Local
    Auditório da Biblioteca Municipal Almeida Garrett

    Para participar na conferência deve levantar o bilhete gratuito (máximo 2 por pessoa) até 15 minutos antes do início do evento.
    Pode reservar o seu lugar antecipadamente através do e-mail galeriamunicipal@agoraporto.pt.

  • Sexta-feira (18h-20h) e sábado (10h-16h), 02 e 03 de julho / 15 e 16 de outubro

    Workshop com Uriel Orlow – Assembleia das Plantas

    ping! — Programa de Incursão à Galeria
    Gineceu & Estigma / Especulações Botânicas

    Este workshop resulta de uma residência de investigação que o artista realizou nos Jardins do Palácio de Cristal, para dar lugar a uma interpretação sobre as implicações políticas, curativas e históricas da relação entre humanos e plantas. Será constituído por dois momentos ligados entre si, em julho e em outubro, e implica o desenvolvimento de um projeto individual nesse intervalo temporal. 

    A prática do investigador e artista multidisciplinar Uriel Orlow integra filme, fotografia, desenho e som e tem incidido especialmente sobre temas como os resíduos do colonialismo, as manifestações espaciais da memória, e o mundo botânico enquanto palco político. A sua obra já foi exposta em diversas instituições reconhecidas internacionalmente, como Tate Modern (Reino Unido), Palais de Tokyo (França), Kunsthaus Zürich e Centre d’Art Contemporain Genève (Suíça). Já publicou três monografias — Conversing with Leaves (2020), Soil Affinities (2019) e Theatrum Botanicum (2018) — e, atualmente, leciona na Universidade de Westminster, no Royal College of Art (Reino Unido) e na Zurich University of the Arts (Suíça).
    Local
    Jardins do Palácio e Palco do Auditório da Biblioteca Municipal Almeida Garrett

    Dirigido a todos os interessados ​​entre os 18 e os 38 anos.

    O workshop decorrerá em inglês.

    Para participar no workshop deve inscrever-se previamente. 

    A seleção dos participantes será feita por ordem de inscrição, através do e-mail galeriamunicipal@agoraporto.pt.

    Crédito da imagem: Dan Weill. Uriel Orlow, "The Medicinal Garden Project", The Showroom, Londres, 2016
     
  • Sexta-feira, 2 de julho às 19 horas

    Artist talk de Uriel Orlow – Conversa com as Folhas

     
    Auditório da Biblioteca Municipal Almeida Garrett
     
    O apresentação decorrerá em inglês (tradução simultânea disponível para português).
     
    Para participar na apresentação deve levantar o bilhete gratuito (máximo 2 por pessoa) até 15 minutos antes do início do evento.
    Pode reservar o seu lugar antecipadamente através do e-mail galeriamunicipal@agoraporto.pt.
     
    Crédito da imagem: Uriel Orlow, Geraniums Are Never Red, vista de instalação na Kunstmuseum Lichtenstein, 2021 (foto: Stefan Altenburger)
  • Sábado, 10 de julho, das 16h às 18h

    A evolução da Representação da Natureza na cidade – Percurso para os jardins com Carla Filipe

    ping! — Programa de Incursão à Galeria
    Gineceu & Estigma / Especulações Botânicas


    Exotismo; Mini Zoo; Chico macaco; Leão Sofala
    velhinho, sempre a dormir, já não alegrava a fantasia das crianças com o grunhir da Selva.
    1910 inaugura a Jaula de Macacos. Triste com mau cheiro nas proximidades
    Um abutre chamado Jorginho e outros "macacos" do Palácio
    1993-08-28
    Barões e Viscondes
    A Sociedade Agrícola Portuense
    restaurante de 3º classe
    16 palmeiras
    21 acácias
    17 eucaliptos
    18 plantas de Angola
    64 coníferas
    134 plantas diversas
    116 petúnias

    é um fenómeno contextualizado incorporado na construção das mentalidades específicas da cultura ocidental
    Sociedade Agrícola
    Revolta Liberal
    Ferro e cimento

    Dr. António Ferreira Braga grande capitalista acabaria por morrer no ano de 1870 na miséria por abrir os cofres para o concretizar seu sonho – O Palácio de Cristal
    Séc. XXI
    Plantas Invasoras: acácia
    24-25 Pavões
    mais machos que fêmeas, ao contrário do Garnisé
    mais garnisés que coquichas = 4 machos + 2 fêmeas
    por vezes desaparecem junto ao ninho, o alimento de um gato ou das gaivotas
    ratazanas tudo controlado
    Lagos sem vida Natural

    ___

    Licenciada em Artes Plásticas e mestre em Práticas Artísticas Contemporâneas pela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, Carla Filipe começou a expor no início dos anos 2000. Cofundou o Salão Olímpico e o Projecto Apêndice e, em 2009, recebeu uma bolsa da Fundação Calouste Gulbenkian. Através de um olhar atento e de um marcado envolvimento com o seu entorno, a artista busca os elementos basilares que conferem sentido à vida de uma comunidade específica, construindo a sua obra a partir da relação permeável entre objetos de arte, cultura popular e ativismo. Recentemente, integrou Incerteza Viva (32.ª Bienal de São Paulo, Brasil, 2016), foi cocuradora de O ontem morreu hoje, o hoje morre amanhã (Galeria Municipal do Porto, Portugal, 2018) e expôs a solo em Amanhã não há arte (MAAT, Portugal, 2019).

    Local
    Jardins do Palácio

    Para participar no percurso deve inscrever-se previamente.
    A seleção dos participantes será feita por ordem de inscrição, através do e-mail galeriamunicipal@agoraporto.pt.

    Crédito da imagem: Carla Filipe, Julho 10 
  • Sábado, 10 de julho às 19h

    Anuário 20 / Performance de Kiluanji Kia Henda: Resetting Bird's Memories

    Kiluanji Kia Henda (Luanda, Angola, 1979) é um dos mais relevantes artistas e ativistas no panorama da arte contemporânea. A sua prática cruza meios muitos diversos, atravessando a fotografia, o vídeo ou a performance.
    Jardins do Palácio de Cristal

    As atividades são gratuitas, mas é necessário o levantamento de bilhete no próprio local, a partir de duas horas antes do seu início, e seguirão as normas de segurança impostas pela DGS à altura do evento. É possível efetuar a reserva de lugar antecipadamente através do email galeriamunicipal@agoraporto.pt.
  • Sábado, 10 de julho às 21h

    Anuário 20 / DJ Set de Sound Preta

     
    CCOP - Círculo Católico de Operários do Porto
    Rua do Duque de Loulé, 202
    4000-053 Porto

    21h

    As atividades são gratuitas, mas é necessário o levantamento de bilhete no próprio local, a partir de duas horas antes do seu início, e seguirão as normas de segurança impostas pela DGS à altura do evento. É possível efetuar a reserva de lugar antecipadamente através do email galeriamunicipal@agoraporto.pt.
  • Sexta-feira (18h30-20h00) e Sábado (10h00-16h00), 16 e 17 de julho

    Formas Partilhadas – Workshop de Terracota com Formabesta

    Workshop de terracota orientado pelo coletivo de artistas Formabesta (Juan e Salvador Cidrás), em parceria com a Ó! Cerâmica.

    Com base na ideia de “jogar” e “aprender fazendo”, esta oficina parte de uma série de formas tradicionais em argila para realizar um processo contínuo de transformação em outras formas que surgem da improvisação, do acaso e da ação colaborativa. Como nos lembra Bruno Munari, o que importa é a possibilidade de jogar com inúmeras possibilidades, mudando incessantemente, testando e testando. Só assim, "a mente se torna flexível, o pensamento dinâmico: o indivíduo criativo".
    Inserido no programa público da exposição “Pés de Barro”, com curadoria de Chus Martínez e Filipa Ramos.

    Local
    Ó Cerâmica (Rua de Adolfo Casais Monteiro 61, 4050-014 Porto)

    Para participar no workshop deve inscrever-se previamente. 

    A seleção dos participantes será feita por ordem de inscrição, através do e-mail galeriamunicipal@agoraporto.pt.

    Crédito da imagem: Formabesta (Salvador e Juan Cidras), Untitled 2019
  • Sábado, 24 de julho, das 16h às 19h

    Percurso com Francisco Babo, Oriente–Campanhã

    ping! — Programa de Incursão à Galeria
    Exodus / Exodus para Todos

    Licenciado em Pintura e Práticas Artísticas Contemporâneas pela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, Francisco Babo desenvolve, em conjunto com José Oliveira, programação no Café CCOP, através da dupla Leosandro Vincitelli. É editor da revista Pánčho e fundador da banda Kã e do projeto Sashimi Fishmonger. Recentemente, esteve envolvido na performance do grupo Windhund no evento MIDL#03 (Independent Resource Location, Portugal, 2019), na performance e exposição Monsieur Mercure (Home alonE, França, 2019) com Svenja Tiger, na exposição Xau Aí (Galeria do Sol, Portugal, 2018), e na apresentação do Cabaré Brutal, em dueto com Svenja Tiger (Auditório CCOP, Portugal, 2019–2020).
    Todos os percursos são realizados a pé. Local de encontro a definir.

    Para participar nos percursos, deve inscrever-se previamente.
    A seleção dos participantes será feita por ordem de inscrição, através do e-mail galeriamunicipal@agoraporto.pt.
  • Sábado, 4 de setembro, das 16 às 19h

    Percurso com Maura Marvão, Baixa–Rio Douro

    ping! — Programa de Incursão à Galeria
    Exodus / Exodus para Todos

    Licenciada em Direito pela Universidade Católica Portuguesa, Maura Marvão concluiu o mestrado em Arts Administration pela New York University (EUA). Trabalhou nas Nações Unidas e no New Museum of Contemporary Art (EUA), foi presidente da Associação de Difusão Internacional de Arte Contemporânea e lecionou a disciplina de Marketing Cultural em várias instituições, entre elas na Escola das Artes — Universidade Católica Portuguesa. Atualmente, é a representante em Portugal e Espanha da leiloeira Phillips, membro do Conselho de Administração da Fundação da Juventude (Pelouro da Cultura), e fundadora e presidente do núcleo português do National Museum for Women in the Arts de Washington.
    Todos os percursos são realizados a pé. Local de encontro a definir.

    Para participar nos percursos, deve inscrever-se previamente.
    A seleção dos participantes será feita por ordem de inscrição, através do e-mail galeriamunicipal@agoraporto.pt.
  • Sábado, 25 de setembro, das 16h às 19h

    Percurso com Felícia Teixeira, Oriente–Campanhã

    ping! — Programa de Incursão à Galeria
    Exodus / Exodus para Todos

    Felícia Teixeira
    trabalha desde 2011 enquanto artista plástica, em dupla com João Brojo, integrando exposições nacionais e internacionais, em espaços como a Galeria Graça Brandão, os Maus Hábitos, o Espaço Mira (Portugal) e a New Jorg (Áustria). Em 2014, concluiu o mestrado em Práticas Artísticas Contemporâneas pela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto. Em paralelo, desenvolve trabalho em produção cultural tendo já colaborado com a Fundação de Serralves, a Câmara Municipal do Porto, os Maus Hábitos, a Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, a Casa da Animação, a UPTEC e os Municípios de Vila Real e do Fundão.
    Todos os percursos são realizados a pé. Local de encontro a definir.

    Para participar nos percursos, deve inscrever-se previamente.
    A seleção dos participantes será feita por ordem de inscrição, através do e-mail galeriamunicipal@agoraporto.pt.
  • Sábado, outubro 22

    Lançamento da publicação do programa e apresentação do projeto ATLAS

     
    Hora e local a definir

    Crédito da imagem: Maria Paula Kemmer
  • Sábado, 23 de outubro, das 16h às 19h

    Percurso com Fátima Lambert, Boavista–Baixa

    ping! — Programa de Incursão à Galeria
    Exodus / Exodus para Todos

    Curadora independente, crítica de arte e organizadora de eventos científicos e culturais privilegiando o eixo Brasil–Portugal, Fátima Lambert é doutorada em Filosofia Moderna e Contemporânea — Estética pela Faculdade de Filosofia e Ciências Sociais da Universidade Católica Portuguesa. Leciona Estética e Educação na Escola Superior de Educação do Politécnico do Porto, onde coordena a linha de investigação Cultura, Artes e Educação do inED — Centro de Investigação e Inovação em Educação, a licenciatura de Gestão do Património e o mestrado Património, Artes e Turismo Cultural. Integra várias comissões científicas de revistas internacionais. É autora de monografias e livros, publicando regularmente em revistas científicas.
    Todos os percursos são realizados a pé. Local de encontro a definir.

    Para participar nos percursos, deve inscrever-se previamente.
    A seleção dos participantes será feita por ordem de inscrição, através do e-mail galeriamunicipal@agoraporto.pt.
  • Sábado, 30 de outubro, das 16h às 18h

    Percurso para os jardins com Von Calhau!

    ping! — Programa de Incursão à Galeria
    Gineceu & Estigma / Especulações Botânicas


    Criado em 2006 por Marta Ângela e João Alves, o coletivo Von Calhau! tem vindo a desenvolver um corpo de trabalho nas áreas da música e das artes visuais, com múltiplas ramificações e cruzamentos que se vão manifestando nos seus concertos e performances, na edição de discos, na realização de filmes e vídeos, numa profusa produção de desenhos e obra gráfica e nas suas publicações. A dupla cofundou o estúdio de artes gráficas Oficina Arara e já participou em exposições e residências em locais como o Atelier MTK (França), a Galeria ZDB e o Museu de Serralves (Portugal) e mais recentemente a Residency Unlimited (EUA).
    Local
    Jardins do Palácio

    Para participar no percurso deve inscrever-se previamente.
    A seleção dos participantes será feita por ordem de inscrição, através do e-mail galeriamunicipal@agoraporto.pt.

    Crédito da imagem: Von Calhau!

loading

Assine a nossa newsletter